terça-feira, junho 12

Marcas de Giz


Apagaram as luzes.
Já deve ser tarde,
Mas para mim pouco importa as horas
Apesar do sono não me sinto tão cansado
Cada palavra do seu caderno
Agora faz sentido e não consigo parar de refletir
Consigo sentir o grafite fazendo amor com o papel
Consigo ouvir sua voz distante me chamar
Preciso de alguém para amar
Uma vida para cultivar e florescer
Felicidade posso oferecer
Teu corpo cada vez mais presente
Marcando de vez seu lugar na minha história
Uma noite fria dessas
Sonhei que você sorria
Planejava na minha mente geralmente vazia
Um relacionamento estavél e louças na pia
Um passeio à barco
Uma menina para chamar de filha
Escrever poesia num quadro negro
Desenhar um coração com seu nome dentro



“ - Quem imaginaria que pedacinhos de giz me faria feliz!”



Jefferson Lucas



Para meu amor Giselle que me inspira com seu jeito de ser e seus textos.

TE AMODORO

6 comentários:

Gabe Maruyama disse...

Perfeito... ;

Anderson Carmo disse...

Bom d+, caro amigo!

paulo disse...

q isso hem !!! é muito bom saber q vc esta amado novamenta desejo toda felicidade a vc amigo , irmão , parceiro espero q termine em casamento kkkkk

Rafaela disse...

Put'z lindooo de mais...

Simplesmente amei!

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

...traigo
ecos
de
la
tarde
callada
en
la
mano
y
una
vela
de
mi
corazón
para
invitarte
y
darte
este
alma
que
viene
para
compartir
contigo
tu
bello
blog
con
un
ramillete
de
oro
y
claveles
dentro...


desde mis
HORAS ROTAS
Y AULA DE PAZ


COMPARTIENDO ILUSION
JEFERSON LUCAS

CON saludos de la luna al
reflejarse en el mar de la
poesía...




ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE BAILANDO CON LOBOS, THE ARTIST, TITANIC SIÉNTEME DE CRIADAS Y SEÑORAS, FLOR DE PASCUA ENEMIGOS PUBLICOS HÁLITO DESAYUNO CON DIAMANTES TIFÓN PULP FICTION, ESTALLIDO MAMMA MIA,JEAN EYRE , TOQUE DE CANELA, STAR WARS,

José
Ramón...

Deka disse...

Muito lindo!